SHAKES

O QUE SÃO OS SHAKES?

Saboroso e com nutrientes balanceados, esse substituto parcial de refeição, é um aliado de quem quer perder, manter ou ganhar peso de forma saudável.

Essa é a principal função do SHAKE, que auxilia em diferentes objetivos. Versátil e balanceado, ele não contribui não só para a perda de peso, mas também para manutenção e até para o ganho.

Nutricionalmente equilibrado, ele é indicado para quem quer implementar um plano alimentar saudável, considerando que seu consumo esteja aliado a outras refeições igualmente saudáveis e à prática de exercícios físicos a partir de 30 minutos diários. 

Disponiveis nos sabores morango, chocolate e baunilha, nos dias em que falta tempo, um shake bem cremoso pode ir para a mesa em poucos segundos. As opções de sabores não deixam a bebida cair na rotina.

 
TOMAR SHAKE É SAUDÁVEL?

O que a maioria dos especialistas recomenda é que o consumo desses produtos esteja associado a uma alimentação saudável, sendo utilizado como um complemento alimentar. Assim, os shakes não devem substituir as principais refeições como almoço e jantar, mas, sim, serem utilizados como lanches nos intervalos dessas refeições. Se os shakes forem utilizados como substitutos de refeição, recomenda-se que sejam utilizados para substituir apenas uma das refeições (almoço ou jantar).

É importante lembrar que o uso de shakes deve ser feito sob a devida orientação de um médico ou nutricionista, pois dietas à base apenas de shakes podem provocar carências nutricionais, acarretando riscos para a saúde.

BENEFÍCIOS
  • Possuem vitaminas necessárias: Nada de emagrecer passando fome! Como os shakes substituem as refeições, eles são a base de proteína – mesma substancia presente nas carnes e ovos, ou seja você terá se “alimentado”.
  • Poucas calorias: Por ter hipocalórico, os shakes são ótimas opções para quem quer emagrecer… Não pense que é uma loucura! Como visto no item acima, eles apresentam vitaminas e minerais suficientes para nutrir seu organismo.
  • Sacia a vontade por doces: Se você é como eu e tem aquele velho probleminha, que a vontade de doce coloca todas as suas dietas por água abaixo, pode se acalmar! Como os shakes possuem uma grande variedade de sabores, basta escolher entre chocolate, morango ou baunilha e saciar toda a vontade por um docinho, sem engordar.
  • Emagrecimento rápido: Seguindo as recomendações de como tomar os shakes, em pouco tempo você notará a perda de peso. Sem fome e se alimentando com poucas calorias e as vitaminas necessárias, não tem como dar errado.
NUTRIENTES

Este alerta é necessário pois existem shakes que apresentam um valor calórico muito baixo — e tentador para quem busca emagrecer — mas, na sua composição, estão ingredientes que podem ser prejudiciais. Veja alguns exemplos:

 

  • maltodextrina: é um tipo de carboidrato de alto índice glicêmico que não favorece a perda de peso. 
  • sacarose: ainda citando os carboidratos, aqueles que apresentam sacarose e xarope de milho também não são os mais indicados. A sacarose é conhecida como o açúcar branco de mesa. O consumo exagerado pode levar à obesidade, diabetes e problemas cardiovasculares. 
  • xarope de milho: na mesma abordagem, o xarope de milho é rico em frutose, que, ao ser metabolizada no fígado em excesso, leva a um quadro de resistência à insulina, problema comum que antecede o diagnóstico de diabetes.
  • adoçantes artificiais: fuja também dos adoçantes artificiais, como o aspartame e sucralose. É crescente o número de estudos que alertam para os malefícios das substâncias no organismo. A exemplo da sucralose, pesquisas apontam a relação do adoçante com a diminuição da sensibilidade à insulina, hormônio produzido pelo pâncreas em resposta à glicose na corrente sanguínea.
  • proteína de soja: avaliar as proteínas presentes no shake também é importante. Boa parte das marcas incluem na fórmula a proteína de soja, que, em grandes quantidades, pode dificultar a absorção de outros nutrientes, como cálcio e minerais, além de promover uma sensação de estar saciado menor do que outras proteínas, como a de girassol, por exemplo. Ainda, a soja contém substâncias classificadas como disruptores endócrinos — substâncias químicas que interferem na função normal do corpo humano.

COLÁGENO HIDROLISADO

BENEFÍCIOS

O colágeno hidrolisado é um suplemento alimentar, feito principalmente a partir de ossos e de cartilagem bovina, que pode ser utilizado para promover a produção de colágeno pelo corpo. Este suplemento pode ser encontrado em pó, que deve ser diluído em água, sucos ou chás.

Você já parou para pensar, por exemplo, que praticamente um terço da proteína de nosso corpo é constituído por colágeno? Sim, isso mesmo. Por ser tão importante, ele se tornou um dos alvos para a manutenção da saúde do nosso organismo. Afinal, conforme o tempo passa, precisamos nos preocupar cada vez mais com a saúde de nossa pele, tendões e ligamentos para que passemos pelo tempo sem ter que nos preocupar com dores indesejadas.

  • Combate celulite e a flacidez;
  • Aumenta a saciedade;
  • Ajuda no rejuvelhecimento da pele;
  • Melhora a elasticidade da pele;
  • Previne rugas;
  • Fortalece os ossos e as articulações;
  • Potencializa a cicatrização;
  • Fortalece unhas e cabelo.
NUTRIENTES

Você tem muito mais benefícios quanto utiliza um Colágeno Hidrolisado que possui vitaminas e sais minerais, tais como:

  • Vitamina A;
  • Vitamina C;
  • Vitamina E;
  • Vitamina B5;
  • Ácido fólico;
  • Biotina;
  • Selênio;
  • Zinco.

As vitaminas A, C e E desempenham diversas funções no organismo e possuem ação antioxidante, que combate os radicais livres que aceleram o processo de envelhecimento.

A vitamina A exerce um papel essencial na formação dos ossos, unhas e cabelos, tem ação protetora da pele e ainda ajuda o sistema imunológico.

Já a vitamina C é fundamental para a síntese do colágeno, ela faz com que o corpo transforme o colágeno em uma proteína benéfica.

Dessa forma, o Colágeno Hidrolisado que contém essas vitaminas são muito mais eficientes e proporcionam resultados mais rápidos.

COMO DEVO TOMAR O COLÁGENO HIDROLISADO

O suplemento pode facilmente incorporar a dieta, tomado a qualquer momento dia junto a algum alimento.

Não há um horário exato a ser tomado no dia. Portanto, escolha uma de suas refeições e adapte o suplemento ao momento. A versão em pó é de fácil consumo.

Em nossa linha de colágeno em pó, você também pode contar com deliciosos sabores: laranja e frutas vermelhas, caso não queira nenhum sabor, contamos com a versão natural.

Desse modo, o suplemento se torna versátil a qualquer alimento que for incorporado. Doses são de 10g ao dia (1) colher de sopa aproximadamente, porém é recomendado previamente o uso consultar um médico ou nutricionista para maiores informações.

CHÁ VERDE DETOX

O PODER DO CHÁ VERDE

Chá verde é um tipo de chá feito a partir da infusão da planta Camellia Sinensis, encontrada na China e no Japão. É chamado de verde porque as folhas da erva sofrem pouca oxidação durante o processamento, o que não acontece com as folhas do chá preto. Algumas outras ervas são vendidas a título de chá verde, porém o verdadeiro chá verde é o feito a partir da folha do arbusto Camellia Sinensis.

Além de muito apreciado por seu sabor adstringente, o chá verde há muito é valorizado também por suas propriedades medicinais. Acalma o sistema digestivo, trata infecções, diminui a dor e combate a fadiga.  

Uma dose de chá verde tem a atividade antioxidante de dez copos de sucos de maçã ou de três copos de suco de laranja.

O chá verde também é uma excelente maneira de impulsionar sua saúde. Além de potente antioxidante e de ter baixo teor de teína, acelera o metabolismo do corpo, estimulando a eliminação de toxinas.

BENEFÍCIOS
  • ajuda a reduzir níveis sanguíneos de colesterol total e do LDL-colesterol (o “mau” colesterol);
  • ajuda a perder peso porque aumenta o gasto energético e a oxidação das gorduras;
  • aumenta a densidade óssea;
  • melhora a saúde oral (as catequinas conseguem destruir as bactérias da placa dentária);
  • ajuda a prevenir as doenças de Parkinson e de Alzheimer;
  • protege contra o diabetes melito;
  • Melhora o humor;
  • Combate infecções;
  • Melhora função cerebral;
  • Aumenta o desempenho físico;
  • Diminui o risco de cancer e diabetes.
CHÁ VERDE EMAGRECE?

É verdade que o chá verde possui grande para reduzir a gordura corporal. Isso acontece porque a epigalocatequina tem efeito sobre as enzinas responsáveis pelo metabolismo de gorduras. Assim, na prática, com essas enzinas estimuladas, a gordura acumulada no tecido adiposo passa a queimar mais rápido para a utilização do próprio organismo.

Esse processo também gera uma sensação de saciedade, que tende a fazer com que pessoas que estejam utilizando a dieta do chá verde para emagrecer comam menos. Nesse sentido, os praticantes devem prestar muita atenção e manter uma dieta equilibrada, já que o organismo pode acabar ficando sem os nutrientes necessários para funcionar bem.

COMO DEVO TOMAR O CHÁ VERDE?

A recomendação é uma colher (chá) rasa para cada xícara. O ideal é ingerir uma xícara (chá) após o almoço ou após o jantar. Como o chá verde tem cafeína, se a pessoa tiver problemas para dormir, deve optar por consumi-lo depois do almoço.

CHÁ DE HIBISCO

O QUE É HIBISCO?

O gênero Hibiscus L. é uma planta da família Malvaceae e que tem centenas de espécies.

Algumas dessas espécies, por exemplo a Hibiscus sabdariffa, que produz o popular chá de hibisco, são comestíveis. Porém, é importante saber que existem outras (hibiscos ornamentais/decorativos) que não são indicadas para consumo, já que contêm alto nível de toxinas contidas em suas composições. Elas geralmente são encontradas em jardins e têm coloração amarela, rosa ou roxa.

BENEFÍCIOS

A fama que o chá de hibisco tem conquistado nos últimos anos não é à toa, pois essa bebida é cheia de propriedades terapêuticas interessantes para o nosso organismo. Muitos benefícios do chá de hibisco para a saúde já eram conhecidos pelos povos antigos, e cada vez mais a Ciência comprova esses efeitos.

  • Favorecimento da perda de peso;
  • Controle dos níveis de colesterol;
  • Efeito diurético
  • Diminuição da pressão arterial;
  • Prevenção da diabetes e da síndrome metabólica;
  • Melhora no processo de digestão;
  • Combate ao envelhecimento;
  • Prevenção do cancer.
NUTRIENTES

Vitamina A: Assim como a vitamina B1, a vitamina A está presente nas folhas do hibisco. No corpo humano, apresenta um importante papel na manutenção da saúde dos olhos, sistema imunológico, ossos, pele e órgãos reprodutivos.
Vitamina B1: Conhecida também por tiamina, faz parte das vitaminas do Complexo B, e está envolvida em uma série de processos enzimáticos. É importante para que o organismo consiga metabolizar aminoácidos e carboidratos. Essa vitamina também está presente influenciando no apetite e regulando os gastos energéticos do organismo. No hibisco, essa propriedade está em maior concentração nas folhas, que podem ser consumidas cruas ou cozidas, em saladas ou pratos quentes.
A vitamina B2: (riboflavina), presente na flor de hibisco, está associada a benefícios como a manutenção da saúde dos ossos, cabelos e pele. Também atua na produção de energia e no funcionamento das hemácias do sangue, responsáveis pelo transporte de oxigênio.

Vitamina C: É famosa por sua ação antioxidante, responsável por ajudar na proteção do organismo, fortalecendo o sistema de defesa e auxiliando na prevenção de doenças relacionadas ao envelhecimento, devido à inibição da ação dos radicais livres. Segundo alguns estudos, acredita-se que o hibisco possui concentrações de vitamina C superiores às que são encontradas em frutas como a manga e a laranja.
Cálcio: É um mineral fundamental para a saúde dos dentes e dos ossos, pois ajuda a prevenir doenças como a osteoporose. Apresenta um papel importante também na comunicação dos neurônios entre si, na contração muscular e, junto à ação da vitamina K, atua na dilatação dos vasos sanguíneos.
Ferro: Exerce um importante papel no transporte de oxigênio no organismo, 

pois atua na produção das hemoglobinas, células responsáveis por essa função.
Outros efeitos associados a esse mineral são os benefícios que proporciona aos músculos, para o cérebro, cabelos, unhas e para o sono.
Magnésio: Desempenha diversas funções no organismo, sendo fundamental para os nervos, músculos, ossos e sistema sanguíneo. Uma dieta rica nesse mineral ajuda a prevenir problemas de má digestão, azia, diabetes, doenças cardíacas, pressão alta e osteoporose.
Licopeno: É um pigmento de cor vermelha presente em alimentos como o tomate e o hibisco. Possui ação antioxidante, ajudando a preservar a saúde dos órgãos e inibindo o crescimento de células cancerígenas.
Antocianinas: Também são pigmentos naturais das plantas e são responsáveis pela cor vermelha do cálice do hibisco. É uma substância antioxidante, importante no combate aos radicais livres. Está associada à prevenção de doenças crônicas, alguns tipos de câncer e problemas cardiovasculares.

Polifenóis: São substâncias antioxidantes importantes para a prevenção de doenças degenerativas, causadas pelo envelhecimento e pela ação dos radicais livres. O consumo de alimentos ricos em polifenóis pode contribuir para o aumento de energia e disposição no dia a dia.
Fósforo: Assim como o cálcio, o fósforo também é um nutriente importante para os ossos e os dentes. Alimentos ricos em ferro ajudam o organismo em processos de restauração celular, aumento de energia e  prevenção de doenças degenerativas.
Potássio: É um mineral que está presente nas células e no sangue. É responsável pelo metabolismo celular e pelo balanço ácido-básico (níveis de pH, dióxido de carbono e bicarbonato no sangue), sendo importante para o coração, sistema nervoso e músculos.
Cobre: É um mineral que está presente na produção de hormônios, enzimas antioxidantes e células sanguíneas. Por não ser produzido naturalmente pelo organismo, precisa ser adquirido por meio da alimentação. Além do hibisco, alimentos como o cacau em pó, aveia, amêndoa, brócolis e farinha de soja são boas fontes de cobre. O consumo desse mineral é importante para a saúde da pele, do cérebro e para fortalecer o sistema imunológico.

TERMO SUPER

O QUE É TERMOGÊNICO

termogênico também é conhecido como “queimador de gordura”. Ele possui uma função muito importante: a ingestão correta dele faz com que o nosso organismo produza mais calor que o normal, e isso interfere de forma direta no balanceamento das calorias e na queima de gordura corporal. Juntamente à prática de exercício físico, o termogênico auxilia no processo de emagrecimento.

BENEFÍCIOS

Ajudam a emagrecer: Os termogênicos contribuem para o emagrecimento de formas diferentes. Aqueles a base de cafeína fazem com que a pessoa tenha mais resistência durante os treinos e assim consiga queimar mais calorias e consequentemente emagrecer.

Também há termogênicos que durante o processo de digestão levam a maior queima de calorias. É importante ressaltar que todas as pesquisas realizadas com os alimentos ou suplementos termogênicos até o momento concluíram que para conseguir a perda de peso por meio do consumo destes alimentos ou suplementos é preciso praticar atividades físicas.

Melhoram o desempenho nos treinos: Este benefício vale para os alimentos ricos em cafeínas, pois a substância aumenta a resistência dos atletas, fazendo com que eles consigam se exercitar por mais tempo.

Melhoram o foco: A cafeína possui um efeito estimulante que irá proporcionar melhora na concentração e consequentemente na capacidade de aprendizado. Os alimentos termogênicos podem proporcionar outros benefícios que irão variar de acordo com o alimento.

DENTE DE LEÃO

Um dos ingredientes que compõe o poderoso Termo Super é o Dente-de-leão, uma planta de nome científico Taraxacum officinale, também conhecida por coroa-de-monge, quartilho e taráxaco. Esta planta medicinal possui um caule oco e ereto, com folhas divididas em segmentos profundos e flores de tom amarelo dourado, podendo atingir cerca de 30 centímetros de altura.

Devido às suas propriedades, o Dente-de-leão pode ser usado para auxiliar no tratamento de transtornos digestivos, problemas no fígado e pâncreas e afeções da pele, por exemplo. Além disso, de acordo com um estudo feito na China em 2011, o chá desta planta também parece ser capaz de eliminar mais rapidamente a infecção pelo vírus Influenza, responsável pela gripe comum.

BENEFÍCIOS DO DENTE DE LEÃO

Por ter ação antioxidante, anti-inflamatória, hepato-protetora e ligeiramente analgésica, o dente-de-leão é muitas vezes indicado para ajudar no tratamento de:

  • Problemas digestivos;
  • Falta de apetite;
  • Transtornos biliares;
  • Doenças hepáticas;
  • Hemorroidas;
  • Gota;
  • Reumatismo;
  • Eczemas;
  • Afeções renais ou vesicais.

Além disso, o dente-de-leão também parece aumentar a produção de insulina, podendo ajudar no tratamento da diabetes, além de ter forte poder diurético, podendo, por isso, ser usado como complemento do tratamento de infecções urinárias, retenção de líquidos e pressão alta. A raiz da planta também tem um efeito laxante leve.

CANELA

A canela possui uma série de benefícios. Ele ajuda a prevenir e combater o diabetes, controlando os níveis de açúcar no sangue e aumentando a sensibilidade à insulina. Esta especiaria originária da Ásia, mais precisamente do Sri Lanka, também contribui para o emagrecimento por ter uma ação termogênica. Estudos apontam que a canela ajuda a diminuir o colesterol total e o ruim, LDL, e também os níveis de triglicérides.

Além disso, o alimento possui forte ação antioxidante e anti-inflamatória colaborando para a prevenção de doenças degenerativas como o Alzheimer e tumores e ajudando a combater resfriados.

BENEFÍCIOS DA CANELA

A canela possui cromo. Este nutriente pode aumentar a sensibilidade à insulina, quando isso acontece há um risco maior de a pessoa desenvolver uma resistência à insulina e consequentemente o diabetes.

O cromo também é interessante porque melhora o controle glicêmico, evitando picos de glicemia. Assim, o pâncreas precisa produzir menos insulina, o que evita que os órgãos se tornem resistentes ao hormônio sem que seja preciso mais dessa substância para absorver a mesma quantidade de açúcar, quadro que pode evoluir para diabetes tipo 2.

A especiaria ainda conta com o polifenol MHCP que melhora a ação da insulina nas células, contribuindo para a redução dos níveis de glicose no sangue. Assim, a canela é uma grande aliada no controle do diabetes tipo 2. Os resultados positivos da canela também foram observados em mulheres com resistência à insulina associada à Síndrome do Ovário Policístico.

CHÁ PRETO SECA BARRIGA

O QUE É CHÁ PRETO?

O chá preto, assim como o verde, é elaborado a partir da planta Camellia sinesis. A diferença entre eles é a fase em que a planta [e colhida e a maneira como são preparados. Portanto, esses chás contam com nutrientes.

BENEFÍCIOS

O chá seca barriga é tão famoso por acelerar o metabolismo, agindo de forma diurética e termogênica. Isso faz com que as toxinas do corpo sejam eliminadas e gerar a perda de peso.

Para chegar ao resultado desejado, só o chá não resolve. Ele funciona se for combinado com alimentação saudável e atividade física. É de extrema importância manter uma alimentação equilibrada enquanto estiver tomando esse tipo de chá. Por ele ter função diurética e acelerar o intestino, você precisa repor todos os nutrientes que acaba eliminando.

Os ingredientes que compõe o poderoso chá são:

 

  • Erva cidreira;
  • Porangaba;
  • Carqueja doce,
  • Graviola;
  • Stévia;
  • Centella asiática,
  • Sene;

 

  • Hortelã;
  • Funcho;
  • Cavalinha;
  • Camomila;
  • Hibisco;
  • Abacateiro.

A seleção de ingredientes foi com base em nutrientes que podem auxiliar no emagrecimento. A erva cidreira auxilia na digestão e qualidade do sono, a carqueja tem função diurética assim como o hibisco. Já a hortelã atua na diminuição do estresse e ansiedade. Esses ingredientes foram escolhidos com cautela para chegar ao resultado desejado.

erva cidreira, Melissa officinalis, é uma planta medicinal da família do hortelã e do boldo, possui ação benéfica em casos de gases, problemas estomacais e tem um efeito calmante que melhora casos de insônia, ansiedade, depressão e ajuda na redução do estresse.

A porangaba, também conhecida como chá de bugre ou café do mato, é um fruto que possui propriedade diuréticas, cardiotônica e antiviral, podendo ser utilizado para acelerar o metabolismo, favorecer a circulação sanguínea e combater infecções virais, especialmente a herpes.

Carqueja doce é uma planta medicinal que serve para ajudar no tratamento de má digestão, prisão de ventre, diarreia, gastroenterite, anemia, gripe, febre, doenças do fígado, diabetes, vermes intestinais, aftas, amigdalites, anorexia, azia, bronquite, colesterol, doenças da bexiga, má circulação do sangue e feridas.

graviola destaca-se como uma fruta fonte de cálcio, magnésio, manganês, potássio, além de possuir vitaminas B1, B2, B6. Por sua composição, essa fruta também é relatada como coadjuvante para a perda de peso, principalmente pela baixa quantidade calórica e pela presença de fibras, que fornecem maior saciedade.

Stevia é uma planta nativa da divisa entre Brasil e Paraguai, que tem uma extraordinária capacidade adoçante, superior em cerca de 300 vezes ao açúcar doméstico. Por ser natural, o adoçante não faz mal para a saúde, podendo ser utilizado para substituir o açúcar em sucos, chás, bolos e outras preparações doces. Ele também pode ser encontrado em muitos produtos industrializados como sucos, chocolates e gelatinas.

centella asiática contém nutrientes capazes de reparar e regenerar e também é rica em vitaminas A, do complexo B e C. Além disso, melhora a produção de colágeno, o que é ótimo para dar firmeza e elasticidade para a pele. É por isso que essa planta vem sendo cada vez mais utilizada pela indústria da beleza.

O Sene é uma planta medicinal, também conhecida como Sena, Cássia, Cene, Lava-pratos, Mamangá, que é muito utilizada para tratar a prisão de ventre, especialmente devido às suas fortes propriedades laxativas e purgantes.

hortelã é uma erva bastante popular, estando presente em balas, chicletes, drinks, e em diversos cosméticos. Contém antioxidantes poderosos, vitaminas A, B6, C, E, K, ácido fólico e a riboflavina. Se ingerida ou apenas inalada, a hortelã proporciona muitos benefícios, a hortelã tem poderes antibacterianos, antifúngicos e anti-inflamatórios.

funcho tem como propriedades medicinais o anetol, estragol e alcânfora, além de vitaminas e minerais que conferem sua ação anti-inflamatória, estimulante, antiespasmódica, carminativo, vermífuga, digestiva, diurética e expectorante suave.

A Cavalinha é uma planta medicinal, também conhecida como Cavalinha-dos-campos, Cauda-de-cavalo ou Cola-de-cavalo, muito utilizada como remédio caseiro para parar hemorragias e menstruações abundantes, por exemplo. Além disso, devido à sua ação anti-inflamatória e diurética, a cavalinha pode ser usada para auxiliar o tratamento de pedra nos rins e infecções urinárias.

camomila é uma erva pertencente à família Asteraceae. Mas, para além da ciência, ela tem sido consumida há séculos como um remédio natural para várias condições de saúde, como excesso de gases, náuseas, dores no estômago, melhora o sono, melhora a digestão, ajuda a controlar o açucar no sangue, faz bem para o coração, ameniza a ansiedade, alivia dores de cabeça e faz bem para a pele.

O abacate foi considerado um verdadeiro inimigo da alimentação, visto como uma fruta gordurosa e calórica. No entanto, hoje já se sabe que as gorduras encontradas no abacate, mesmo sendo calóricas, são responsáveis pela redução dos níveis de colesterol e triglicerídeos no organismo, podendo prevenir doenças cardíacas e até auxiliar na prevenção do câncer. O abacate pode agir como anti-inflamatório natural e antienvelhecimento, além de reduzir os níveis de glicose no sangue diminuindo o estresse. A ação anti-inflamatória que a ingestão do abacate proporciona é graças a vitamina E.

14 99743-3541
Rua Sete de Setembro, 1033 Sen. Salgado Filho, Marília – SP